Avisar sobre conteúdo inadequado

Duas vezes vinho?

{
}

 TAGS:undefinedBeber vinho, moderadamente, proporciona uma grande quantidade de benefícios. E se o bebermos em grandes tragos? Muito melhor, ou isso afirma um estudo realizado pela Universidade de Nápoles, cuja conclusão aponta para a quantidade de vinho que se toma em cada trago e como este facto tem uma grande influência sobre o sabor do vinho.

Este estudo utilizou uma casta autóctone de vinho branco, a Falanghina. As conclusões e perguntas foram várias, entre elas: o aroma continua a ser extremamente importante, sobretudo nas provas de vinhos, mas como se modifica o seu sabor?

Um vinho pode ser muito diferente, tanto em relação ao seu aroma como ao paladar, o qual é devido à libertação de marcadores voláteis que proporcionam as características frutadas e oxidativas do vinho. Estes marcadores são influenciados pela quantidade de vinho de um só trago e pela interacção do vinho com a saliva.

O que indica este estudo é o facto dos sabores frutados ou florais se libertarem mais facilmente quando os tragos de vinho são grandes. E ainda: os sabores procedentes de frutas vermelhas, como as cerejas, ou outros, mais doces, como o mel são mais fáceis de detectar quando o vinho é tomado num grande trago. Ou seja, algo que devemos ter em conta quando provamos vinhos com estas características.

Estes dados, novos, podem transformar as provas de vinho a curto prazo, tornando-as mais eficazes. E tanto escanções como enólogos podem enriquecer e variar as suas provas profissionais de vinhos, alternando pequenos e grandes tragos para distinguir os diferentes efeitos sobre o aroma e o sabor.

 TAGS:Remelluri Reserva 2008Remelluri Reserva 2008

Remelluri Reserva 2008: Vinho tinto com Denominação de Origem Rioja. Castas: Tempranillo e Graciano de 2008. 13.5º de graduação alcoólica.

 

 

 TAGS:Abadía Retuerta Selección Especial 2011Abadía Retuerta Selección Especial 2011

Abadía Retuerta Selección Especial 2011: Vinho tinto com Denominação de Origem VT Castela e Leão. Castas: Syrah e Tempranillo de 2011. 14º de graduação alcoólica

 

 

{
}

Deixe seu comentário Duas vezes vinho?

Entra em OboLog, ou cria seu blog grátis se você ainda não esta cadastrado.

User avatar Your name