Avisar sobre conteúdo inadequado

Quando decantar um vinho

{
}

 TAGS:Além da degustação, um dos rituais que mais se associa à cultura do vinho, é a decantação. Um dos temas mais controversos e talvez com menos informação disponível. Quando se deve decantar o vinho? Ao ser decantado melhora? Decantar ou arejar?

Decantar ou arejar um vinho?

São dois procedimentos diferentes. Ainda que normalmente um leve ao outro, existem diferenças:

Quando decantamos um vinho, aquilo que pretendemos é passar o líquido de um recipiente para outro, de forma a eliminar/filtrar os sedimentos.

Quando arejamos um vinho, permitimos que o vinho entre em contacto com o ar e, ao ser oxigenado, liberte os seus aromas, sobretudo se se trata de vinhos concentrados com tempo de guarda considerável.

A decantação

Os vinhos velhos, ou aqueles que não foram suficientemente filtrados ao ser elaborados podem, por vezes, apresentar sedimentos. O facto de possuir sedimentos não dita a sua qualidade: pode ser um bom ou mau vinho, independentemente da existência de sedimentos. Porém, é verdade que os sedimentos têm habitualmente um sabor ligeiramente amargo, adstringente, pelo qual é conveniente filtra-los para apreciar o vinho adequadamente.

Se te parece que a tua garrafa tem sedimentos, o melhor é decantar o vinho. Hoje em dia existem decantadores (ou decanters) no mercado que incluem um filtro, mas também podes comprar um filtro por separado e assegurar-te que o tamanho dos buracos seja suficientemente pequeno. Mas na verdade os filtros de vinho não costumam evitar os sedimentos.

Passamos a explicar a opção clássica. Talvez tenha passado de moda, talvez seja snob, mas é sem dúvida a melhor opção para os grandes vinhos.

Se guardaste a garrafa em horizontal, como se aconselha, o melhor é colocá-la num cesto de vinho, onde fica ligeiramente inclinada, para que a possas abrir sem a mover e portanto, evitar que os sedimentos se agitem. Se puderes mantém assim a garrafa durante 24h antes de servir o vinho. Prepara o decantador e acende uma vela sem aroma, acende a vela em outro compartimento para que o cheiro do fósforo ou do gás do isqueiro não interfira com o cheiro do vinho.

Abre a garrafa, isto sim é o mais complicado porque a garrafa inclinada não tem a mesma facilidade que em posição vertical. Uma vez aberta deita o vinho lentamente no decantador. A lentidão é importante no processo, para que o vinho seja alterado o menos possível.

E sobre a vela? O gargalo da garrafa deve estar situado entre os teus olhos e a vela, assim poderás detetar os sedimentos, quando isso acontece deixa de servir o vinho. Estará decantado com êxito.

Arejar o vinho

Ao decantar vinho também o arejas porque está a ser exposto ao oxigénio, o que faz com que alguns aromas se dissipem e outros sejam suavizados. No caso dos reservas especiais, isto pode significar que o pouco aroma que o vinho ainda possa ter, pode ser perdido, de forma que deves saber que vinho deves arejar.

Existem decantadores de boca pequena para os vinhos que necessitam ser decantados mas não arejados, enquanto que os decantadores mais comerciais costumam permitir as duas funções. Arejar vinho é indicado para aqueles vinhos que possuem uma grande potência aromática e que se encontram no melhor momento para o seu consumo. Desta forma os ?cheiros a fechado? desaparecem e surgem os aromas do vinho em menos tempo.

Para arejar um vinho deves deitá-lo num decantador, também devagar mas sem te preocupares com os sedimentos. Alguns vinhos (poucos) exigem também que os ?abras?, ou seja, verter de um movimento para que o álcool se dissipe. São poucos estes vinhos, por isso não é boa ideia que se aplique normalmente.

A melhor forma para saber se um vinho necessita ser arejado é abrir a garrafa e provar: se notas que tem aromas muito concentrados, por estar fechado, e ainda pouco definidos, então será melhor decantar. Os aromas de humidade, ligeiro sabor a rolha (se este for demasiado evidente, o vinho não está no seu melhor estado) cheiros de jornal velho ou couro húmido são os ?cheiros a fechado?.

Se não consegues identificar estes aromas ou tens dúvidas, abre a garrafa, prova um pouco e deixa-a aberta durante 10 minutos. Passado este tempo e ao voltar a provar poderás saber se algo melhorou e se assim é, podes decantar o vinho para o arejar. Se não for o caso, apenas a superfície foi arejada e o vinho não terá perdido nada considerável.

 TAGS:Pulltex 'Dionísio' Decanter + Limpador DecanterPulltex 'Dionísio' Decanter + Limpador Decanter

Pulltex 'Dionísio' Decanter + Limpador Decanter

 

 

 TAGS:Pulltex 'Morfeu' Decanter + Limpador DecanterPulltex 'Morfeu' Decanter + Limpador Decanter

Pulltex 'Morfeu' Decanter + Limpador Decanter

{
}
{
}

Comments Quando decantar um vinho

PROCURO PARCEIRO PARA VENDER VINHOS FORA DE PORTUGAL
CONT: 966348760
ANTÓNIO PINTO ANTÓNIO PINTO 22/10/2013 as 00:56
Adorei o post, parabéns!!
comprar curtidas comprar curtidas 06/04/2014 as 14:57

Deixe seu comentário Quando decantar um vinho

Entra em OboLog, ou cria seu blog grátis se você ainda não esta cadastrado.

User avatar Your name