Avisar sobre conteúdo inadequado

Vinhos Garnacha

{
}

 TAGS:Os vinhos garnacha voltam a estar na moda. É uma das uvas com mais nomes e mais variedades em Espanha (garnacha blanca, tinta, tintorera, peluda...) e talvez isso a faça perder nome como variedade mas é uma uva com um carácter impressionante, um das imprescindíveis.

Durante muitos anos a garnacha foi menosprezada, considerada uma uva com demasiado álcool e muito pouco aroma. Pelo contrário, em França a Grenache é uma uva indispensável em muitas das suas denominações, sobretudo no centro e sul do país.

A saber sobre esta uva:

A garnacha é a segunda uva mais cultivada em Espanha (a seguir à Airén) e a primeira das tintas. Ocupa cerca de 4% do território mundial vinícola.

Ainda que não esteja totalmente confirmado, diz-se que é uma uva de origem espanhola, que mais tarde se terá levado para França e depois para o resto do mundo. 

As zonas mais importantes na produção da Garnacha em Espanha são Aragão, Rioja e a Catalunha. Possui também uma grande relevância nas Denominações do Priorat e de Calatayud.

Baltasar Gracián Viñas Viejas é o vinho de Garnacha que chamou a atenção de Robert Parker para os vinhos espanhóis e a sua fantástica relação qualidade-preço.

Em França, esta casta estendeu-se especialmente às zonas de Provença, Côtes du Rhône e Languedoc-Roussillon. A grenache (como é chamada em França) constitui o segredo mais bem cuidado do vinho Châteauneuf-du-Pape.

Os vinhos de garnacha são vinhos muito encorpados e com muito álcool, são expressivos e com taninos redondos. Deixam-nos sensações de sabores de amora, groselha e cereja.

A garnacha é uma casta muito produtiva e vigorosa e o seu cultivo é relativamente simples. Esta é a causa pela qual durante muito tempo se encontrassem cepas de garnacha em muitas vinhas, de forma a assegurar o nível de álcool para a produção de muitos vinhos, ainda que nem sempre estivesse presente na etiqueta.

A garnacha é também utilizada na elaboração de vinhos tintos doces como o Banyuls e o Maury ou usada na mistura com Macabeo ou Pedro Ximénez.

Apetece-te experimentar vinhos de Garnacha? Deixa que te recomendemos alguns:

 TAGS:Camins del Priorat 2012Camins del Priorat 2012

Camins del Priorat 2012: Álvaro Palacios é um dos grandes nomes do vinho em Espanha. Bodegas Álvaro Palacios, é a adega produtora deste vinho, um tinto que comprova a grande evolução dos vinhos do Priorat nos últimos anos. Ao seu caráter inigualável somaram um corte moderno e converteram a Denominação, numa das melhores a nível mundial.

 

 

 TAGS:Sierra Cantabria Crianza 2008Sierra Cantabria Crianza 2008

Sierra Cantabria Crianza 2008: Na Rioja, a garnacha é igualmente importante, substituindo muitas vezes a uva Mazuelo no coupage clássico dos vinhos Rioja, como este caso. Um muito bom vinho a um preço perfeito.

 

 

 TAGS:Santbru Blanc 2010Santbru Blanc 2010

Santbru Blanc 2010: Para quem quer provar a garnacha blanca, aconselhamos o Santbru Blanc um vinho branco de Montsant muito completo: aromas minerais com notas de madressilva e recordações de frutas brancas (peras, pêssegos). Um vinho para desfrutar realmente.

 

Apetece-te provar os vinhos garnacha? Lembras-te de um que tenhas provado? Podes recomendar-nos um vinho garnacha?

{
}
{
}

Deixe seu comentário Vinhos Garnacha

Entra em OboLog, ou cria seu blog grátis se você ainda não esta cadastrado.

User avatar Your name